Horário de Atendimento: 8h às 17h

Crea-GO promove evento e retoma campanha de combate ao Aedes aegypti

O Crea-GO, em parceria com a Associação das Empresas do Mercado Imobiliário de Goiás (Ademi-GO), com a Associação Goiana das Empresas de Engenharia (AGE), com o Sindicato dos Condomínios e Imobiliárias de Goiás (SecoviGoiás), com o Sindicato da Indústria da Construção no Estado de Goiás (Sinduscon-GO), com o Sindicato dos Engenheiros do Estado de Goiás (Senge-GO), com o Ministério Público do Estado de Goiás (MP-GO), com o Serviço Social da Indústria da Construção no Estado de Goiás (Seconci Goiás) e com a Prefeitura Municipal de Goiânia, promoveu, na manhã de hoje (08/11), no Plenário do Regional, o evento “Combate ao Aedes aegypti e as ações do Crea-GO”.

Com a presença de cerca de 50 pessoas, entre gestores e fiscais do Crea-GO, além de autoridades como o presidente do Senge-GO, Eng. Eletric. Gerson Tertuliano; o presidente do Seconci Goiás, Célio Eustáquio; e o vice-presidente do SecoviGoiás, Ulisses Soares, o evento teve como objetivo esclarecer sobre a real situação epidemiológica da dengue, zika e chikungunya no município de Goiânia e o prognóstico para o próximo verão, de maneira a possibilidade o planejamento de ações em conjunto com a sociedade. O encontro também marcou a retomada da campanha “Aliste-se! A Engenharia declara guerra ao Aedes aegypti”, lançada pelo Crea-GO e seus parceiros em 2016, com o objetivo de combater focos do mosquito transmissor especialmente em obras e serviços da construção civil.

 

Realizado no Plenário do Crea-GO, o evento contou com a participação de cerca de 50 pessoas, entre gestores e fiscais do Conselho goiano e representantes das entidades parceiras
Realizado no Plenário do Crea-GO, o evento contou com a participação de cerca de 50 pessoas, entre gestores e fiscais do Conselho goiano e representantes das entidades parceiras

Na abertura do evento, o presidente do Crea-GO, Eng. Francisco Almeida, destacou que neste ano, em Goiânia, as chuvas começaram mais cedo, “e a possibilidade de termos uma epidemia de dengue e outras doenças transmitidas pelo Aedes aegypti é muito grande. E nós, como líderes, temos o dever de compartilhar informações com outras pessoas. Então, nossa intenção, com este evento, é retomarmos a campanha que desenvolvemos há dois anos e deu muito certo”. Francisco ainda ressaltou que é importante que todos os parceiros do Crea-GO, gestores e fiscais do Conselho, se empenhem no combate ao Aedes aegypti. “Se não fizermos nossa parte, não poderemos evitar uma nova epidemia em Goiânia”, declarou, incentivando o trabalho de todos os presentes.

 

Na abertura do encontro, o presidente Francisco Almeida destaca o sucesso da campanha “Aliste-se! A Engenharia declara guerra ao Aedes aegypti” e conclama todos a continuarem no combate ao mosquito
Na abertura do encontro, o presidente Francisco Almeida destaca o sucesso da campanha “Aliste-se! A Engenharia declara guerra ao Aedes aegypti” e conclama todos a continuarem no combate ao mosquito

Em seguida, a superintendente da Vigilância em Saúde da Secretaria Municipal de Saúde de Goiânia, Ms. Flúvia Amorim, ministrou a palestra “Situação Epidemiológica de Dengue, Chikungunya e Zika em Goiânia”. Em sua fala, a palestrante mostrou a atual situação de Goiânia em relação às doenças e as ações de controle que pode ser colocadas em prática tanto pela população geral quanto pela sociedade civil organizada e o poder público. “Tivemos praticamente dois anos tranquilos em relação à dengue, à zika e à chikungunya: 2017 e 2018. Mas, o prognóstico para o próximo período não é bom. Já estamos observando um aumento de casos, nas últimas semanas, muito devido à antecipação das chuvas e às altas temperaturas, e também pela predominância de um vírus que nunca foi predominante aqui, e é um vírus que causa muitas formas graves da doença. Onde ele passou, de forma epidêmica, houve muitas mortes, especialmente de crianças, e muitos casos graves”, explicou.

 

Superintendente da Vigilância em Saúde da Secretaria Municipal de Saúde de Goiânia, Flúvia Amorim apresenta a atual situação goianiense em relação às doenças transmitidas pelo Aedes aegypti
Superintendente da Vigilância em Saúde da Secretaria Municipal de Saúde de Goiânia, Flúvia Amorim apresenta a atual situação goianiense em relação às doenças transmitidas pelo Aedes aegypti

Flúvia também comentou a importância da ação de órgãos como o Crea-GO e parceiros no combate ao Aedes aegypti. “Vários estudos mundo afora mostram que, quando se fala de combate e controle do vetor, no caso, o Aedes aegypti, é necessária uma ação de toda a sociedade e, principalmente, dos órgãos da sociedade civil organizada, porque eles têm uma capacidade de mobilização maior. Se começarmos esse trabalho integrado como temos feito, com esses órgãos como o Crea – que é muito importante para nós, devido às obras da construção civil e ao trabalho feito pelos fiscais –, teremos resultados melhores, como menor número de criadouros, menor quantidade de mosquitos e, assim, menor quantidade de doenças”, defendeu.

Campanha – A campanha “Aliste-se! A Engenharia declara guerra ao Aedes aegypti”, tem caráter educativo e emprega linguagem simples e direta. Ela foca na divulgação de informações no meio digital (redes sociais do Crea e das entidades parceiras) e no uso de materiais impressos como cartilhas, cartazes e selo. A campanha também propõe ações práticas de combate à proliferação do mosquito, sobretudo nas áreas de abrangência das ações do Crea, como: canteiros de obras, condomínios residenciais e comerciais, viveiros, clubes, estádios de futebol, armazéns gerais, postos de combustíveis, hospitais, clínicas, parques de diversão, entre outros. Para tal, são realizadas fiscalizações orientativas contínuas, com a participação efetiva de fiscais do Crea, focando sempre na limpeza e na destinação correta de resíduos sólidos (entulho).

 

Antes do início do evento, o presidente Francisco Almeida recebe autoridades da Prefeitura de Goiânia, Senge-GO, Senconci Goiás e SecoviGoiás para discutir ações conjuntas de combate ao mosquito na Sala de Reuniões da Presidência
Antes do início do evento, o presidente Francisco Almeida recebe autoridades da Prefeitura de Goiânia, Senge-GO, Senconci Goiás e SecoviGoiás para discutir ações conjuntas de combate ao mosquito na Sala de Reuniões da Presidência

Baixe nossos Aplicativos 

   



 

Redes Sociais