×

Crea-GO recebe visita do deputado Major Vitor Hugo

Líder do governo na Câmara Federal, o deputado conheceu o Sistema Confea/Crea e o trabalho do Conselho goiano.

Publicado: 11/11/19 13:36
Fonte: Assessoria de Imprensa do Crea-GO


[noticia: crea-go-recebe-visita-do-deputado-major-vitor-hugo] O deputado Major Vitor Hugo (E) e o presidente Francisco Almeida discutem a importância do Sistema Confea/Crea para o desenvolvimento do Brasil - REUNIAO_MAJOR_VITOR_HUGO_01.JPG O deputado Major Vitor Hugo (E) e o presidente Francisco Almeida discutem a importância do Sistema Confea/Crea para o desenvolvimento do Brasil

Em 9 de novembro, o Crea-GO recebeu a visita do deputado federal Major Vitor Hugo (PSL/GO). O líder do governo na Câmara dos Deputados foi recepcionado pelo presidente do Crea-GO, Eng. Francisco Almeida, e seus diretores, o vice-presidente Eng. Civ. Ricardo Veiga e o secretário Eng. Civ. Lamartine Moreira Júnior; além do vice-presidente do Confea, Eng. Eletric. Edson Delgado, e o conselheiro federal Eng. Civ. Marcos Luciano Camoeiras.

O objetivo do encontro foi promover o estreitamento da relação entre o legislativo federal e o Sistema Confea/Crea, em especial com o Conselho goiano. Na reunião, a equipe do Crea-GO fez uma apresentação institucional sobre o funcionamento do Sistema Confea/Crea e o trabalho realizado pela Autarquia goiana em defesa da sociedade nos últimos anos. O deputado também apresentou brevemente sua atividade legislativa e respondeu aos questionamentos dos engenheiros presentes.

Na oportunidade, a coordenadora de Planejamento e Qualidade do Crea-GO, Eng. Civ. Rosana Brandão, foi a responsável por explicar ao deputado Major Vitor Hugo e equipe o funcionamento do Sistema Confea/Crea e, em especial, a atuação do Conselho de Goiás. Foram abordados os projetos do Conselho em prol da sustentabilidade, como o Prêmio Crea Goiás de Meio Ambiente, o programa Cidades Verdes e os projetos Recarga Hídrica e Horta Caseira Sustentável.

A engenheira, com o apoio do presidente Francisco Almeida, ainda mostrou algumas da principais atuações do Crea-GO frente aos problemas que envolvem as engenharias no Estado de Goiás e sua capital, como o levantamento das condições estruturais das pontes e viadutos de Goiânia, a fiscalização na região comercial da Rua 44, as atuações relacionadas à Marginal Botafogo e também ao Terminal Vera Cruz e outros.

Também foram abordados os convênios firmados com diversos órgãos das esferas municipal, estadual e federal com atuação em Goiás, além de 50 prefeituras no estado, das quais 48 têm acesso ao programa de Engenharia Pública do Crea-GO, o Casa Própria, que fornece 10 projetos diferenciados de até 69,99m² à população com renda familiar de até três salários mínimos, em parceria com os municípios.

O coordenador de Integração de Dados do Conselho, Eng. Civ. Eliel Oliveira, por sua vez, apresentou todas as informações às quais o Crea possui acesso a partir dos convênios firmados e com a implantação do Livro de Ordem eletrônico em Goiás, e como a ferramenta de Business Intelligence (BI) auxilia na análise de dados e tomada de decisões estratégicas de diversas área do Conselho. Todas as informações – desde que não sejam sigilosas – estão à disposição da Câmara dos Deputados e da Presidência da República, de acordo com o presidente Francisco Almeida.

“Nós atuamos em todas essas áreas e outras, com uma fiscalização proativa, evitando que problemas ocorram e defendendo a sociedade. É um sistema que funciona. Mesmo que alguns Creas não possuam a mesma tecnologia que temos em Goiás, a tendência é que tenhamos isso em todo o Brasil e possamos contribuir efetivamente com o governo. E tudo isso, todas as nossas informações, estão à disposição do governo federal. O Sistema Confea/Crea tem condições de ser um bom parceiro. Queremos construir um novo Brasil, com tecnologia e agilidade”, afirmou Almeida.

O presidente ainda frisou a importância de que o Sistema Confea/Crea permaneça como uma entidade de direito público, para que possa efetivamente cumprir o seu papel em defesa da sociedade. “Como uma entidade privada, os Creas deixarão a sociedade desprotegida. É impossível que, como entidade privada, façamos autuações, por exemplo. E, atualmente, 45% das nossas autuações são sobre leigos. Devemos discutir todas essas questões em conjunto e encontrarmos um objetivo comum; uma solução positiva para todos, acerca da natureza jurídica dos conselhos profissionais”, ressaltou.

O deputado federal Major Vitor Hugo destacou que reconhece a importância da área tecnológica para o desenvolvimento do Brasil, afirmando que “as engenharias têm a chave do futuro do país” e mostrou-se aberto ao diálogo com o Sistema Confea/Crea. “Quero agradecer a oportunidade de estar aqui, pela receptividade e pela exposição acerca dos trabalhos do Crea-GO. As portas estão abertas na liderança do governo em Brasília”, destacou o deputado, que esteve acompanhado de seus assessores Divino Rodrigues, Marcelo Conrado e Poliana Sperandio.

Pelo Crea-GO, ainda participaram do encontro o superintendente Eng. Agr. Helder Borges; o gestor do Departamento Técnico, Eng. Civ. Edvaldo Maia; o gestor do Departamento de Fiscalização, Eng. Mec. Walter Santana; e os assessores Eng. Eletric. Emely Gomes, Eng. Amb. Marcella Castro, Eng. Civ. Victor Resende, Eng. Civ. Antônio de Pádua, Eng. Agr. José Luiz Barbosa, Eng. Civ. Ulysses Sena, Eng. Civ. Ana Renata Litfalla, Geog. Ângela Daher, Denise Castro, Doris Costa e Bárbara Torres. O diretor financeiro da Mútua-GO, Eng. Civ. Luiz Queiroz, e a coordenadora adjunta do Crea-GO Jovem, Byanca Dourado, também estiveram presentes.