menu
×

Crea trabalha com frota de carros próprios para fiscalização e administração

Aquisição da frota, em 2017, tornou as atividades de fiscalização ainda mais efetivas em todo o Estado

Publicado: 24/09/20 12:59 - Fonte: Assessoria de Imprensa do Crea-GO


[noticia: crea-trabalha-com-frota-de-carros-proprios-para-fiscalizacao-e-administracao] A frota de carros do Crea-GO, utilizada em atividades inerentes à missão do Conselho - CREA-GO FROTA DE CARROS FISCALIZAÇÃO ADMINISTRAÇÃO.jpg A frota de carros do Crea-GO, utilizada em atividades inerentes à missão do Conselho


Desde o mês de janeiro de 2017, o Crea-GO conta com frota própria composta por 50 carros caracterizados que são utilizados na fiscalização profissional e administrativa do Conselho em todo o Estado de Goiás. Os veículos, que foram adquiridos com recursos do Programa de Desenvolvimento e Aperfeiçoamento da Fiscalização dos Creas (Prodafisc), do Confea, e do próprio Crea-GO, foram entregues, na época, a 33 agentes de fiscalização do Regional.

Os outros veículos estão, desde então, sendo utilizados em atividades inerentes à missão do Crea, que é regulamentar, fiscalizar e orientar o exercício e as atividades profissionais, executando serviços e ações em defesa da sociedade, que visam ao desenvolvimento sustentável. Antes de comprar sua frota de veículos, o Crea alugava carros.

A aquisição de frota própria teve como principais objetivos a monitoração, padronização e otimização dos custos operacionais, tornando a fiscalização das atividades profissionais em todo o Estado de Goiás ainda mais efetiva, agindo, assim, em defesa da sociedade goiana e pela valorização profissional.

De acordo com o presidente da Autarquia, Eng. Francisco Almeida, a frota própria tornou a fiscalização do Conselho mais proativa e orientativa, além de garantir que os profissionais do Sistema Confea/Crea possam efetivamente exercer suas profissões. “Houve muito planejamento na aquisição desses veículos; foi um ano de preparação e discussão para que hoje a fiscalização do Crea-GO seja totalmente diferente”, destaca Almeida.